A Sogilub, participou no passada dia 25, na Conferência “Visão 2050 – Combustíveis e Lubrificantes”, evento promovido pela Apetro, e em que um dos painéis abordava e discutia o futuro dos lubrificantes, não só nos aspectos relativos à sua formulação, de forma a satisfazerem os exigentes requisitos ambientais, mas também relativamente à sua utilização e à sua contribuição para a descarbonização da economia. A Sogilub teve assim oportunidade de partilhar com a vasta assistência presente, o modo de funcionamento do Sistema Integrado de Gestão dos Óleos Lubrificantes Usados, o seu ciclo de vida, os recentes projectos tecnológicos desenvolvidos, como o…
Já se encontram publicados, no site da Agência Portuguesa do Ambiente (APA), os indicadores de desempenho da Sogilub relativos ao 2.º trimestre de 2018. Para consultar, clique aqui.
O início do ano de 2018 ficou marcado pela obrigatoriedade do cumprimento de dois requisitos legais. Por um lado, a obrigatoriedade de ser usada a e-GAR, e por outro, a obrigatoriedade dos Produtores de Óleos Novos procederem ao registo e enquadramento na plataforma SILIAMB. Para ambos os casos, cedo se percebeu que a publicação e comunicação atempada dos novos requisitos legais, não teve para todos os visados a mesma interpretação e importância, o que levou a que a obtenção de códigos APA e respectivos registos não tivessem sido antecipadamente solicitados e feitos, resultando daí acrescidas dificuldades para se obterem esclarecimentos…

Em Foco na SOGILUB

  • 7, setembro 2018
No primeiro semestre de 2018: - O aumento do volume recolhido no primeiro semestre de 2018 face ao período homologo. - Os números alcançados pelo SIGOU desde o seu início até ao final do 1.º semestre de 2018: 411.000 recolhas, 345.000 toneladas de óleos lubrificantes usados recolhidos, das quais 307.000 toneladas foram valorizadas. - As acções de Sensibilização, Comunicação & Educação, especialmente caracterizada por acções focadas na divulgação e promoção do cumprimento das obrigações legais impostas aos Produtores de Óleos Novos e Usados, nomeadamente, registo, enquadramento de volumes colocados no mercado e respectivas estimativas e obtenção do código APA, elemento…
No dia 22 de Junho, teve lugar a sessão pública de lançamento e apresentação do Programa Nacional de Investimentos 2030, nas áreas de Ambiente e Energia. Nesta sessão, João Pedro Matos Fernandes afirmou que a valorização é a primeira prioridade na estratégia da gestão de resíduos. O Ministro do Ambiente referiu que a reciclagem pode ser o caminho mais óbvio na política dos 3 R’s (reduzir, reciclar e reutilizar) mas que tem menos futuro quando comparado com a reutilização. Para Matos Fernandes é necessário reforçar a relevância de uma utilização mais inteligente e continuada das matérias-primas. Nesta matéria, o Ministro…

Newsletter

Subscreva a nossa Newsletter

Notícias em Destaque

  • Conheça o destino final dos óleos que entrega à SOGILUB +

    Com o intuito de ajudar os produtores de óleos usados a fundamentar a sua avaliação de impactes ambientais e na Ler mais
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5